Segunda-feira, 5 de Dezembro de 2011

Reservoir Dogs - Cães Danados

No sábado à noite resolvi ver o Reservoir Dogs, coisa que eu já me tinha prometido a mim mesmo que iria fazer há uns bons aninhos. Sempre tive a sensação que era uma falha minha não ter visto uma dos mais aclamados filmes de Quentin Tarantino, cheguei a uma conclusão engraçada e paradoxal. Ao mesmo tempo que eu acho que este filme é absolutamente brilhante e fantástico, também me parece ser banal e nada de fabuloso. Confusos? Eu que estou a escrever, e a pensar nisto, estou um pouco, mas aqui vai o meu melhor para explicar. 

Para tudo há um contexto e uma época. De facto se eu tivesse visto este filme em 1992 (tinha eu 11 anos), quando saiu, ou algures durante os anos seguintes, seria um filme que, provavelmente, marcaria toda a minha visão do cinema. Mas não vi.

Segui o meu caminho enquanto espectador de cinema, houve outros filmes que me marcaram, alguns deles do Tarantino e tudo, e agora que, em pleno final de 2011, o vi sinto que nada nele é novo, que já o tinha visto noutras formas, algumas delas melhores, outras piores. 

Talvez esta sensação seja um atestado à qualidade do filme, porque se tive essa sensação significa que os outros foram buscar inspiração a este, pode também simplesmente significar que é um argumento previsível, e que rapidamente se juntam as peças todas. Apesar disso acabar por interessar pouco, é um filme que vive quase que exclusivamente das prestações dos seus actores (todos eles excelentes). 

Tem algumas cenas míticas, como eles a andarem na rua, ou a conversa no café, ou a discussão sobre os nomes deles, e interessa ver pelo menos uma vez na vida, tenha sido na altura em que saiu, ou seja no futuro, e só isso faz com seja um filme de referência. Contudo não consegui deixar de sentir aquela pontinha de desilusão.

Finalmente vi o Reservoir Dogs e não é tão fantástico e especial como eu esperava... Criar expectativas é lixado!

P.S.: Não consigo resistir a deixar esta música aqui, sempre gostei dela e tenho de admitir que fica bem, mas mesmo muito bem com este filme.

tags:
publicado por Gonçalo Cardoso Dias às 20:35
link do post | comentar | favorito
|

.Olha nós!

.pesquisar

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Os últimos quacks!

. Um ano

. Este não é um post.

. Resoluções para 2012

. Desejos para 2012: ATÉ OS...

. 2011

. Habemus Papam

. Drive

. Isto a malta não coopera....

. Música do dia

. Felicidade em tempo de cr...

.quacks arquivados

. Dezembro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds