Sábado, 3 de Dezembro de 2011

Puss in Boots a.k.a. Gato das Botas

Ah pois é! Chega a época natalícia e começam a estrear filmes de animação a torto e a direito, este ano não é excepção. No meio desta fornada está o muito publicitado e ansiado Gatos das botas em toda a glória tridimensional agora na moda nos cinemas. Para que fique esclarecido eu não gosto desta moda! E bem que a podiam enfiar toda n... bom vou parar com as descrições por aqui que isto é blog para toda a família!

Concentrando-me no filme. 

Quando lançaram o Shrek 2 acho que ninguém tinha a noção do sucesso que o Gato das botas ia ser, mas honra lhes seja feita, cedo se aperceberam, e cedo começaram a surgir os rumores de um filme em torno deste personagem. E aqui começa o problema deste filme.

Shrek veio de alguma forma elevar a fasquia dos argumentos dos filmes de animação, já não são exclusivamente para miúdos, há lá coisas que só os pais (ou os avós e tios) é que vão apanhar, isso aliado a tanta ansiedade criada, tanta expectativa gerada, fizeram que este filme por muito bom que seja fique sempre um bocadinho aquém do esperado.

Atenção! Isto não significa que o filme seja mau, porque não é!

Tenho que dizer que é bem construído, com piadas muito bem conseguidas, onde utilizam o universo felino e toda a cena hispano-americana trazida por António Banderas ao Gato das botas e foram buscar a Salma Hayek que veio complementar isto ainda mais. Os desenhos são do estilo Shrek como era suposto e a utilização do 3d é bem feita e incorporada no filme. (o que quero dizer com isto é que eles não inventaram umas porcarias para andar ali a flutuar só porque sim) Contudo, não há ali nada de novo ou de uma qualidade de argumento que seja algo por demais, e é uma pena porque este personagem pedia um pouquinho mais. Em tempos não tão longíquos dizia-se que "lhe falta um bocadinho assim".

Forçando-me a enfrentar o momento da verdade, tenho de dizer que gostei bastante de ter visto o Gato das botas no cinema, e não me enjeito nada de o rever, mas não é um filme que me fique na memória como sendo algo de fenomenal. 

tags:
publicado por Gonçalo Cardoso Dias às 21:03
link do post | comentar | favorito
|

.Olha nós!

.pesquisar

.Dezembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Os últimos quacks!

. Um ano

. Este não é um post.

. Resoluções para 2012

. Desejos para 2012: ATÉ OS...

. 2011

. Habemus Papam

. Drive

. Isto a malta não coopera....

. Música do dia

. Felicidade em tempo de cr...

.quacks arquivados

. Dezembro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds